• Categorias
  • Assistir TV Não É Defeito

    Dia desses eu estava em um parque com alguns amigos e enquanto conversávamos ouvi um deles dizer “Eu não assisto televisão há anos, e não sinto a menor falta.”, ele fez o comentário com o tom de quem conta vantagem por ter feito uma grande conquista ou largou um vício terrível. Em seguida, outras pessoas começaram a dizer o quanto a programação dos dias atuais degrada a mente do ser humano e que esse tipo de mídia não acrescenta nada à formação cultural de um indivíduo. Dez minutos depois eu sentia que estava em um encontro de haters da televisão.
                   
    Eu, particularmente, sempre adorei assistir tv. Era o tipo de criança que acordava bem cedo aos sábados pra ver desenhos (Bananas de Pijamas. Quem lembra?) e adorava pegar todas as minhas barbies e levar até a sala de casa para brincar enquanto assistia novelas mexicanas. O tempo foi passando, eu cresci, e mesmo hoje aos vinte anos, ficar em frente à tela vendo qualquer coisa que estiver passando é um dos meus passatempos favoritos.

    A questão é que nos últimos anos, ao que parece, assistir tv virou pecado mortal, ou pelo menos se tornou uma falta gravíssima na lista de tarefas que quem quer ser considerado culto e legal deve cumprir. Se você diz que assiste novela, é alienado. Se acompanha algum Reality Show então, piorou, já é caso perdido. Eu fico aqui me perguntando: Como a situação chegou a esse ponto? Qual foi o momento da história em que a maioria decidiu que julgaríamos o nível cultural de uma pessoa desta maneira?

    Eu não vou ser hipócrita para chegar aqui e dizer que tudo o que passa na televisão é bom, existe muita coisa ruim também, mas é loucura não enxergar que isso acontece em toda parte. Existem livros ótimos, e outros que não são tão bons. Existe música boa, e outras que nós nem conseguimos escutar mais que uma vez. E a verdade é que tudo é muito mais uma questão de gosto pessoal do que de qualidade. Cada pessoa tem uma definição diferente do que lhe faz bem, e se um indivíduo decidir que quer assistir um programa que é péssimo o problema é só dele. Como diria uma grande amiga minha “Cada um cuidando da sua vida”.

    Hoje estreia o BBB, e já começaram os ataques nas redes sociais, mas se uma pessoa odeia tanto assim esse tipo de programa, porque perde seu precioso tempo fazendo críticas a ele, quando poderia estar fazendo algo que realmente gosta? Porque perder tanto tempo investindo no ódio, se o amor é muito mais divertido? Eu amo Reality Shows, sou daquelas que não perde nenhum episódio, e continuo amando assistir tv, sempre. E quer saber algo que eu realmente odeio? Intolerância, e acredito que nesse tópico a unanimidade é bem maior.
    COMENTÁRIOS DO FACEBOOK
    COMENTÁRIOS DO BLOGGER

    0

    Postar um comentário



     
    Copyright © Blog da Vanessa | Todos os direitos reservados | Desenvolvimento por VR DESIGN :: VOLTE AO TOPO