• Categorias
  • Epifania: A Atração Principal - Parte 2


    A mulher que me levava à loucura era o tipo de mulher que meu pai me ensinara a não amar, a não ter à luz do dia, mas a forma que fazia meu coração bater era como a mulher que eu pretendia amar deveria fazer.

    — No que tanto pensa? — seu sussurro me trouxe ao momento que me tirava do chão. Ao momento que eu desejava durar para sempre.

    — Que tipo de mulher é você? — perguntei me perdendo em seus olhos.

    — Aquela que nunca acordará ao lado, que você abandonará antes do sol raiar. — ela respondeu com um sorriso, como se nada daquilo fizesse diferença em sua vida.

    — Nunca desejou ser mais que isso? — ela riu.

    — Já desejou algo além do que poderia ter?

    — Já desejei a liberdade. — respondi pensando em todas as implicações que era ser quem eu era, ter os pais que eu tinha.

    — Eu tenho a liberdade. — ela falou como se aquela fosse sua maior conquista.

    — Eu posso lhe oferecer o amor. — falei deixando que o meu coração agisse.

    — Nenhum amor vale mais que minha liberdade, viajar de cidade em cidade, acompanhar a companhia, apresentar-me para diferentes pessoas, fazer perder a razão homens como você. — seus lábios tocaram os meus e se afastaram, fazendo com que eu desejasse abrir mão de tudo para senti-los novamente.

    — Eu faria parte da companhia com você. — ela gargalhou.

    — Um homem de cartola não segue o circo. — seus dedos tocaram cada peça de alta costura que me cobria, como se tudo aquilo fosse apenas uma amarra e nada mais.

    — Um homem apaixonado segue sua mulher para onde ela vai. — meus braços rodearam sua cintura e a mantiveram no lugar. Seu sorriso pareceu vacilar ao se ver incapaz de continuar com as todas as voltas que fazia ao meu redor.

    — Por que me quer presa? — seus olhos fixaram nos meus.

    — Eu nunca lhe prenderia ou lhe tiraria a vida que a faz tão bela. Todo o meu desejo é acordar ao seu lado. Ver o sol da sua cama. — seu sorriso voltou e inundou de paixão o meu corpo.

    — Veremos se o sol o iluminará. — seus lábios se apossaram dos meus e suas mãos me levaram a parede do beco. Os tijolos frios me fizeram arrepiar, mas suas mãos quentes me aqueceram enquanto me levava à tenda que abrigaria a companhia enquanto permanecesse na cidade.

    Suas roupas se perderam no chão junto as minhas. Seu corpo se juntou ao meu como se nunca tivessem sido nada além de um só. Sentia-me em meio a uma apresentação da companhia. O melhor número hipnótico que eu já vira, sentira ou vivera. Tão bom que trouxera o sol mais rápido do que qualquer outra vez.

    Os primeiros raios de sol atravessaram um fecho da tenda e focaram um único lugar. Suas costas nuas se iluminaram em contraste com o negro de seus cabelos que caiam por elas. Seus dedos tocaram seus cabelos e fizeram um coque no alto da cabeça. Ela se virou e sorriu.

    Era o sorriso mais lindo, da mulher mais linda que eu já vira.

    — O sol da sua cama é simplesmente deslumbrante. — ela riu e sua risada me fez ter certeza que eu seguiria a companhia para qualquer cidade. Aprenderia a fazer qualquer número, desde que tivesse ela sempre ao meu lado.

    Caminhei ao seu encontro e a beijei. Eu entendia porque a cada cidade o circo ganhava mais membros. Eles não iam atrás da liberdade. Iam atrás do amor.

    E eu tinha encontrado o meu.


    Clique aqui para ler a parte 1.


    Laury Alves é aquariana, chata, tem 19 anos e é completamente perturbada. Apaixonada por livros, séries e filmes. Que quer um dia ter a biblioteca da Fera. Se você quiser ler textos, ótimas resenhas e notícias do mundo literário é só acessar o blog da Laury, o Maníaca por Livros.

    ------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

    A seção Epifania tem o objetivo de divulgar textos de outros autores. Para participar, basta enviar seu texto para o email blogvanessacorreia@gmail.com. O tema é livre e o título da mensagem deve ser Epifania + Seu nome + Título do post. Envie o conteúdo do post no corpo do email acompanhado por uma breve descrição sobre você.
    COMENTÁRIOS DO FACEBOOK
    COMENTÁRIOS DO BLOGGER

    0

    Postar um comentário



     
    Copyright © Blog da Vanessa | Todos os direitos reservados | Desenvolvimento por VR DESIGN :: VOLTE AO TOPO